quarta-feira, 27 de maio de 2009

Grupo Cantigas Praianas

 

Concerto de Leitura

 

Eduardo Ballerini: o sonhador

 

 Neste mês de Maio, a homenagem do Grupo Cantigas Praianas a Eduardo Ballerini (1966-1989), poeta santista, jovem simples, alegre, de aguçada sensibilidade, que amava a família, os amigos, os Beatles e a Natureza. Preocupava-se com a Paz Mundial e interessava-se pelo Homem e o Universo.

Serão lidos textos preciosos de extrema delicadeza e sensibilidade como: Sonhador, Dali, Sonhos, Um sonho distante, Dá-me tua mão, e poesias dedicadas à cidade de São Paulo, Avenida Paulista, a John Lennon, aos Beatles, à música de Lennon e Jarre, e aos poetas.

Poetas leitoras: Clara Sznifer, Cynira Antunes de Moura e Neiva Pavesi. Convidado especial: escritor Mário Roberto Velloso.

Alexandre Guerra de Almeida ao teclado, com sucessos dos Beatles: I want to hold your hand, Yesterday, In my life, Imagine, Let it be, A hard day's night...

Coordenação: Neiva Pavesi

Apoio cultural: Fundação Mokiti Okada, Instituto Histórico e Geográfico de Santos, Aliança Francesa de Santos.

 

Aberto ao público.

 

Dia 29 de Maio de 2009     Sexta-feira

Horário: 20 horas

Local: Instituto Histórico e Geográfico

de Santos

Av. Conselheiro Nébias, 689

Estacionamento próprio

 

CINEMATECA - Exposição e Mostra - 4 DE JUNHO

 

Exposição Fotográfica e

Mostra "Cinema e Natureza" em junho na Cinemateca

 

CREDITO FOTO: "Troublemaker", Stefano Unterthiner (Itália)

 

Com filmes e exposição fotográfica, iniciativa amplia discussão em torno da necessidade de reintegração do homem com a natureza;

 

Programação atende público infanto-jvenil e adulto;

 

            Na próxima quinta-feira, dia 4 de junho, tem início na Cinemateca Brasileira a Mostra cinematográfica "Cinema e Natureza", com nove filmes infanto-juvenis e três títulos para o público adulto, e a exposição internacional de fotos Wildlife Photographer of the Year (WPY), composta por 86 fotos com temática ambiental. A iniciativa é uma realização da Cinemateca Brasileira e da Via Gutenberg, consultoria em sustentabilidade.

            A exposição internacional - que também terá algumas de suas fotos exibidas em estações do metrô de São Paulo - reúne as fotografias premiadas pela competição realizada desde 1964 pelo Natural History Museum of London e pela BBC Wildlife Magazine. Esse concurso recebe, anualmente, cerca de 32 mil inscrições de participantes de 60 países e as melhores fotos são premiadas e formam uma exposição mundial, que é montada em vários países da Europa, Ásia e América.

            A iniciativa tem como objetivos: fomentar atitudes sustentáveis e ampliar a discussão em torno da reintegração do homem com a natureza, utilizando as artes visuais como principais instrumentos.

 

 

MOSTRA/FILMES/Programação - De 04 a 28 de junho - CINEMATECA

 

Brichos, de Paulo Munhoz

Paraná, 2006, 35mm, cor, 77'

Um jaguar, um quati e um tamanduá adolescentes descobrem um segredo sobre a floresta onde vivem, um local que reúne diversas espécies da fauna brasileira.

Sábado, dia 13, às 14h00

Quarta, dia 17, às  17h00

 

A Era do Gelo 2 (Ice Age 2: The meltdown), de Carlos Saldanha

EUA, 2006, 35mm, cor, 90' | Dublado em português

O mamute Manfred, o tigre Diego e o bicho-preguiça Sid descobrem que toneladas de gelo estão prestes a derreter e inundar o vale em que vivem. Partem então numa aventura para avisar a todos do perigo e encontrar um local seguro.

Sexta, dia  05, às 17h00

Domingo, dia 07, às 15h00

 

O Grilo Feliz e os insetos gigantes, de Walbercy Ribas e Rafael Ribas

São Paulo, 2009, 35mm, cor, 82'

O Grilo Feliz deseja gravar um disco com suas canções, mas a descoberta de fósseis de insetos gigantes faz com que enfrente um perigoso bando de louva-deuses.

Quinta, dia 04, às 17h00

Sábado, dia 06, às 14h00

 

Madagascar 2 - A grande escapada (Madagascar: escape 2 Africa), de Eric Darnell e Tom McGrath

EUA, 2008, 35mm, cor, 89' | Dublado em português

O leão Alex, a zebra Marty, a girafa Melman e o hipopótamo Glória, enfrentam o dilema de permanecer nas vastas planícies da África, junto aos outros de suas espécies, ou tentar voltar a suas casas no zoológico de Nova York.

Terça, dia 09, às 17h00

Sexta, dia 12, às 17h00

 

Na natureza selvagem (Into the wild), de Sean Penn

EUA, 2007, 35mm, cor, 148' | Legendado em português

Emile Hirsch, Catherine Keener, Hal Holbrook, Kristen Stewart

A história real de Christopher McCandless, um jovem que abandonou uma vida de conforto para buscar a liberdade vivendo no Alasca, totalmente isolado da civilização.

Sexta, dia 26, às 17h00

Sábado, dia 27, às 14h00

 

A profecia dos sapos (La prophetie des grenouilles), de Jacques Rémy Girerd

França, 2003, 35mm, cor, 90' | Dublado em português

Na África, um grupo de sapos prevê a chegada de um novo dilúvio, que inundará a Terra após quarenta dias e quarenta noites de chuva, mas poucos são os que lhes dão ouvidos.

Terça, dia 16, às 17h00

Sexta, dia 19, às17h00

 

Selvagem (The wild), de Steve Williams

EUA, 2008, 35mm, cor, 81' | Dublado em português

Um grupo de animais do zoológico de Nova York precisa organizar um ousado resgate para salvar o filho adolescente do leão Sansão, que está sendo levado para as  florestas da África.

Domingo, dia 21, às 15h00

Quinta, dia 25, às 17h00

 

Tainá – Uma aventura na Amazônia, de Sérgio Bloch e Tânia Lamarca

EUA, 2001, 35mm, cor, 90'

Eunice Baía, Caio Romei, Rui Polanah, Branca Camargo

Tainá, uma indiazinha órfã de 8 anos que vive na Floresta Amazônica com seu avô, enfrenta um bando de contrabandistas de animais, ajudada por um menino da cidade.

Sábado, dia 20, às 14h00

Terça, dia 23, às 17h00

 

Tainá 2 – A aventura continua, de Mauro Lima

São Paulo, 2004, 35mm, cor 80'

Eunice Baía, Vítor Morosini, Kadu Moliterno, Chris Couto

Uma quadrilha se apodera dos bichos de estimação da aldeia de Tainá e todas as crianças partem para socorrer os amigos sob a liderança da pequena índia, agora uma corajosa adolescente.

Quarto, dia 24, às 17h00

Domingo, dia 28, às 13h30

 

Terra (Earth), de Alastair Fothergill e Mark Linfield

EUA/Inglaterra/Alemanha, 2007, 35mm, cor, 96' | Dublado em português

Primeiro documentário da série Disneynature, contando a notável história de três famílias de animais e suas incríveis jornadas pelo planeta.

Quinta, dia 11, às 17h00

Sábado, dia 13, às 16h00

 

Uma verdade inconveniente (An inconvenient truth), de Davis Guggenheim

EUA, 2006, 35mm, cor, 96' | Legendado em português

O ex-vice-presidente americano Al Gore apresenta fatos e estatísticas que desmitificam falsos conceitos e demonstram que o superaquecimento global é um perigo real e imediato.

Quarta, dia 10, às 17h00

Domingo, dia 14, às 15h00

 

WALL-E, de Andrew Stanton

EUA, 2008, 35mm, cor, 98' | Dublado em português

Depois de milhares de solitários anos recolhendo lixo no que restou do planeta Terra, o robô WALL-E encontra uma nova razão para viver quando conhece uma robô chamada EVA.

Quinta, dia 18, às  17h00

Sábado, dia 20, às 16h00

 

 

Serviço

Cinemateca Brasileira: Largo Senador Raul Cardoso, 207, Vila Clementino, São Paulo. Tel: (11) 3512-6111. http://www.cinemateca.com.br/

Via Gutenberg: http://www.viagutenberg.com.br/

 

Exposição internacional de fotografia (Metrô e Cinemateca): entrada gratuita

 

Sessões de cinema na Cinemateca: Ingressos: R$ 8,00 (inteira) / R$ 4,00 (meia-entrada) Atenção: estudantes do Ensino Fundamental e Médio de escolas públicas têm direito à entrada gratuita mediante a apresentação da carteirinha.

 

 

 

 

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Pela Primeira Vez no Brasil - La Compagnie Georges Momboye

A célebre companhia de dança africana chega ao Brasil em junho

 

Turnê brasileira integra programação do Ano da França no Brasil

 

 

Considerada a melhor companhia africana de dança contemporânea, a Compagnie Georges Momboye chega ao Brasil precedida da unanimidade da crítica internacional. Criada em 1992 e com sede em Paris, a  companhia traz ao Brasil o espetáculo 'Boyakodah'. Eles se apresentam no dia 20 de junho no Cine Teatro Central, em Juiz de Fora; nos dias 23 e 24 de junho no Teatro João Caetano, no Rio de Janeiro; nos dias 26, 27 e 28 de junho no Theatro Municipal, em São Paulo; e no dia 1 de julho no Teatro Castro Alves, em Salvador, com produção da Dell´Arte Soluções Culturais, como parte da programação cultural do Ano da França no Brasil - França.Br 2009.

 

Com uma formação inusitada, pois, além de dançarinos, reúne músicos e cantores originários de países como a Costa do Marfim, Camarões, Guiné e Senegal, a companhia é reconhecida mundialmente pela sua criatividade, que une a tradição da cultura africana a elementos da dança clássica, do jazz e do hip hop.

 

A companhia trará ao Brasil a coreografia 'Boyakodah', de Momboye. Com 11 dançarinos, um cantor e quatro músicos, o espetáculo, cujo nome significa 'felicidade' em guéré, língua falada do Oeste da Costa do Marfim, é, segundo o próprio coreógrafo, uma ode à vida. Em cena, os bailarinos interagem com a cuia e o bastão do pilão, objetos que são símbolos sexuais da procriação, força e harmonia. "Este trabalho busca o equilíbrio entre corpo e alma, ritmo e silêncio, evocando a maior aspiração do homem pela felicidade e prazer", explica Momboye.

 

Formado em dança africana desde os 13 anos de idade, Georges Momboye deixou a Costa do Marfim para se aperfeiçoar com coreógrafos do porte de Alvin Ailey, Brigitte Matenzi, Rick Odums e Gisèle Houri, cujo acento contemporâneo influenciou definitivamente seu trabalho. Ao longo de seus 17 anos de existência, o grupo se consolidou como um dos mais importantes de dança africana contemporânea.

 

Sua primeira grande coreografia, "A Paz", foi encomendada pela UNESCO e foi interpretada por 50 dançarinos, projetando internacionalmente o nome de Momboye. Seguiram-se trabalhos como 'Adjaya', 'M'bah Yoro', 'Tahaman', entre outros. Seu ecletismo se traduz também nas recriações de clássicos como 'A sagração da primavera', de Stravinsky, e 'Prelúdio à tarde de um fauno', de Debussy. Assinou coreografias para empresas como L'Oreal e videoclipes para Alpha Blondy e Kool and the Gang.

 

Em 1998, criou em Paris o primeiro centro de danças pluri-africanas, onde desenvolveu uma linha pedagógica que fez escola e foi adotada na Europa, Estados Unidos, América Latina e Ásia. Em dezembro de 2005, estreou 'Afrika Afrika', espetáculo itinerante que reuniu mais de 100 dançarinos, músicos e artistas de circo em turnê pela Alemanha, Suíça e Áustria. Suas criações já foram apresentadas em grandes festivais como a Bienal Internacional da Dança, em Lyon, Santander Festival, na Espanha, e no Sadler's Theater, em Londres, entre outros teatros de prestígio.

 

A Dell'Arte se orgulha de apresentar pela 1ª vez ao público brasileiro uma nova linguagem da dança étnica contemporânea.

     

Site: http://www.ladanse.com/momboye

 

 

Serviço:

 

JUIZ DE FORA

 

Local: Cine Teatro Central

Data: 20 de junho (sábado)

Horário: 21h

Vendas: Cine Teatro Central. Tel: (32) 3215-1400

http://www.theatrocentral.ufjf.br/

 

Programa: Boyakodah

 

PREÇOS:

Platéia A: R$ 80,00

Platéia B: R$ 70,00

Balcão Nobre: R$ 60,00

Galeria: R$ 50,00

Camarote: R$ 400,00

 

RIO DE JANEIRO

 

Local: Teatro João Caetano

Data: 23 e 24 de junho (terça-feira e quarta-feira)

Horário: 20h

Vendas: Teatro João Caetano

Disque Dell`Arte: (21) 3235-8545 / 2568-8742

 

Programa: Boyakodah

 

PREÇO ÚNICO: R$ 80,00

 

Censura: 12 anos. Menores de 12 anos somente acompanhados dos responsáveis.

 

SÃO PAULO

 

Local: Theatro Municipal

Data: 26, 27 e 28 de junho (sexta-feira, sábado e domingo)

Horário: 21h (sexta-feira e sábado)

             17h (domingo)

Vendas: Teatro Municipal

Informações: (11) 2063-5087 - www.ticketmaster.com.br

 

Programa: Boyakodah

 

PREÇOS:

 

Setor I: R$ 80,00

Setor II: R$ 60,00

Setor III: R$ 40,00

 

Censura: 12 anos. Menores de 12 anos somente acompanhados dos responsáveis.

                           

SALVADOR

 

Local: Teatro Castro Alves

Data: 01 julho (quarta-feira)

Horário: 21h

Vendas: Vendas Teatro Castro Alves: (71) 3339-8014

SAC Shopping Barra: (71) 3264-5955

Teatro Castro Alves: Tel: (71) 3117-4899

Programa: Boyakodah

 

PREÇOS:

 

Filas A a P: R$ 100,00

Filas Q a Z: R$ 80,00

Filas Z1 a Z11: R$ 60,00

 

Censura: 12 anos. Menores de 12 anos somente acompanhados dos responsáveis.

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Julho: VI Conferência Latino-Americana Montessori

 

A Organização Montessori do Brasil - OMB - convida os educadores, os estudantes de Pedagogia e os demais interessados e estudiosos na área, a participarem da VI Conferência Latino-Americana Montessori, um panorama das principais abordagens do Sistema Montessori e sua contextualização no Brasil e em culturas vizinhas.

Serviço:

VI Conferência Latino-Americana Montessori
Data: 08 a 10 de Julho

Local: Centro de Convenções de Pernambuco | Auditório Tabocas
Endereço: Complexo Viário Vice-Governador Barreto Guimarães, s/n
Salgadinho - Recife - PE - Brasil
Tel: (81) 3427-8000

http://www.omb.org.br/conferencia.php

São Carlos sedia colóquio internacional de análise do discurso



Evento será realizado na UFSCar. Inscrições para interessados em apresentar trabalhos no evento terminam no dia 1� de maio

A Ordem do Olhar: discurso, semiologia e história. Este é o tema do II Colóquio Internacional de Análise do Discurso, que será realizado em São Carlos entre os dias 16 e 18 de setembro deste ano. O evento será sediado na UFSCar e conta com a organização de docentes e pesquisadores do Departamento de Letras (DL) e do Programa de Pós-Graduação em Linguística (PPGL) da UFSCar e de docentes de outras instituições do País. As inscrições para apresentação de trabalhos durante o evento podem ser feitas até o dia 1� de maio, pela Internet.
A Análise do Discurso (AD) é uma prática e um campo da Linguística e da Comunicação especializado em analisar construções ideológicas presentes em um texto. Em seus primórdios, a AD tinha como objetivo desvendar a ideologia do discurso político partidário e doutrinário, analisando a linguagem verbal escrita na época. Entretanto, esses métodos da AD sofreram transformações consideráveis e, atualmente, os textos com os quais os analistas de discurso trabalham não são mais formulados exclusivamente com a linguagem verbal. Esses materiais agora conjugam língua e imagens de diversas naturezas, aspectos e dimensões como, por exemplo, a televisão e a Internet. A partir disso, uma discussão é levantada na área da AD, apontando a possibilidade da Análise do Discurso voltar-se para a semiótica e a semiologia, que estudam as imagens, a fim de encontrar contribuições para seus trabalhos ou estender sua própria teoria e métodos na interpretação dos objetos multimodais.
A partir disso, esta segunda edição do Colóquio configura-se como uma oportunidade interessante para troca de experiências, apresentação de trabalhos e sessões de discussão em que poderão ser debatidos os novos caminhos da Análise do Discurso frente à diversificação da linguagem do seu material de trabalho.
Além de promover o encontro entre pesquisadores, professores e alunos que se dedicam à AD, o evento pretende divulgar os grupos de pesquisa na área e discutir conceitos e temas na perspectiva do desenvolvimento de seus estudos. A programação do evento prevê a realização de conferências, apresentação de grupos de pesquisa e mesas-redondas que serão conduzidos por docentes e pesquisadores de instituições brasileiras e internacionais.
O Colóquio é aberto à participação de estudantes de graduação e pós-graduação, professores do Ensino Superior e pesquisadores autônomos envolvidos com a área da Análise do Discurso. Para apresentação de trabalhos durante o evento, os interessados devem inscrever-se até o dia 1� de junho na página eletrônica do evento, em www.www.ppgl.ufscar.br/ciad. Após esta data, serão aceitas apenas inscrições para a participação no evento, sem apresentação de trabalhos. As taxas de inscrição também podem ser consultadas no site do Colóquio. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail ciad@ufscar.br ou pelo telefone (16) 3351-8360.

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Sessão Cinéfila apresenta François Ozon e Charlotte Rampling em dois momentos

 

Nos dias 16 e 23 de maio, a Sessão Cinéfila do Espaço Unibanco de Cinema exibe "Swimming Pool – À Beida da Piscina" (2003) e "Sob a Areia" (2000), dois longas dirigidos por François Ozon, com a atriz Charlotte Rampling no elenco.

 

As sessões acontecem sempre ao meio-dia, com ingressos promocionais a R$ 5,00

 

 

 

Dia 16 de maio, sábado, às 12h:

SWIMMING POOL -A BEIRA DA PISCINA (SWIMMING POOL)

2003, França , Inglaterra, 103 min , Drama

Diretor: François Ozon

Elenco: Charlotte Rampling , Ludivine Sagnier, Charles Dance , Marc Fayolle, Jean-Marie Lamour

Sinopse: A inglesa Sarah Morton é uma escritora de meia-idade, autora de livros de mistério e romances policiais de sucesso. Às voltas com uma crise de inspiração, ela procura seu editor, que lhe empresta a casa de veraneio no ensolarado sul da França. Sarah vai para lá e logo começa a trabalhar num novo romance. Mas ela não contava com a repentina chegada de Julie, de 16 anos, a belíssima e pouco convencional filha do editor. Elas se opõem sob vários aspectos, numa convivência cheia de turbulências e ambigüidades, que muda os rumos do livro e da própria vida de Sarah.

 

 

Dia 23 de maio, sábado, às 12h:

SOB A AREIA (Sous Le Sable)

2000, França, 95 minutos, 12 anos, Drama

Direção: François Ozon

Elenco: Charlotte Rampling, Bruno Cremer, Jacques Nolot, Alexandra Stewart, Pierre Vernier,

Sinopse: Por vários anos, Marie e Jean passaram suas férias de verão à beira-mar, na região de Landes, na França. Ali, eles sempre tiveram momentos bastante agradáveis e esperavam que também fosse assim nesse verão. No entanto, um certo dia, enquanto relaxava sob o sol da praia, Marie adormeceu e não viu seu marido ao acordar. Desesperada, ela começa a pensar o que teria acontecido a ele: teria se afogado? Ou será que fugiu? Ela alerta as autoridades sobre o desaparecimento, mas as buscas são infrutíferas. Traumatizada, a esposa solitária continua levando a vida e se comporta como se Jean ainda fizesse parte de seu cotidiano.

Documentário sobre compositor Paulo Vanzolini estréia dia05/06

Compositor Paulo Vanzolini ganha documentário em sua homenagem

 

 

Não fica no chão,

Nem quer que mulher

Lhe venha dar a mão.

Reconhece a queda

E não desanima

Levanta, sacode a poeira,

Dá a volta por cima.

Trecho letra 'Volta por Cima'

 

 

 

UM HOMEM DE MORAL é o título do documentário dirigido por Ricardo Dias, com estréia nos cinemas de São Paulo, Rio de Janeiro e Santos, no dia 5 de junho.

 

Dez anos depois de filmar o rio Amazonas com o cientista Paulo Vanzolini, no filme 'No Rio das Amazonas', o documentarista Ricardo Dias volta a viajar com Vanzolini, agora pela sua cidade, São Paulo, e por sua obra musical. O filme tem a participação de grandes nomes da nossa música como Chico Buarque, Paulinho da Viola, Martinho da Vila, Márcia, Inezita Barroso, Paulinho Nogueira, Miúcha, Virgínia Rosa, Ana Bernardo, O Bando de Macambira, Chico Aguiar, Edu Maia, João Macacão, Maria Marta e Adoniran Barbosa.

 

Junto com Adoniran Barbosa, a obra de Paulo Vanzolini é reconhecida como o que há de melhor no samba de São Paulo. Muitas de suas músicas são verdadeiros clássicos da nossa música popular: Ronda, Volta por Cima, Praça Clóvis, Cuitelinho, Capoeira de Arnaldo, Boca da Noite, e por aí vai.

 

O filme apresenta esses clássicos e outras tantas músicas que valem a pena lembrar. As letras de Vanzolini chamam a atenção pela ausência de um personagem muito comum nos sambas: o malandro.

 

Além do reconhecimento do público, Vanzolini é tremendamente respeitado pelos músicos. Todos admiram como uma pessoa que não sabe nada de música, que não sabe distinguir um tom maior de um tom menor, consegue fazer músicas tão boas.

 

O filme revela como ele foi capaz de fazer isso.

 

 

Ricardo Dias - diretor

 

Ricardo Dias é biólogo e cineasta formado pela Universidade de São Paulo com mestrado em cinema pela New York University. Trabalha em cinema desde 1977. Realizou diversos longas e curtas metragens, entre eles o recente 'Pixinguinha e a Velha Guarda do Samba' (2006), com Thomaz Farkas. Trabalha também para a televisão, tendo dirigido recentemente uma série para o Canal Brasil: 'Tirando do Baú' sobre os grandes filmes da cinematografia brasileira.

 

Em 1999, dirigiu o documentário de longa-metragem 'Fé', Prêmio União Latina de Melhor Documentário no Festival de Biarritz. Em 1995, dirige o documentário de longa-metragem 'No Rio das Amazonas' que recebeu oito prêmios nacionais, entre eles: Melhor Filme (Cuiabá), Melhor Diretor (Brasília) e o Prêmio de Melhor Filme pela APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte).

 

 

Sinopse

 

'Um Homem de Moral' é um filme musical sobre Paulo Vanzolini, compositor. Ricardo Dias que dirigiu os filmes 'Os Calangos do Boiaçu' e 'No Rio das Amazonas', que contaram com a participação de Paulo Vanzolini, cientista, apresenta desta vez um outro Vanzolini: seus sambas, seus amigos e a cidade de São Paulo, tema permanente de sua obra musical.

 

 

Ficha Técnica

 

Financiamento: contemplado pelo Concurso de Co-Patrocínio para Fomento da Produção Audiovisual da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo de 2006; contemplado pelo Programa de Fomento ao Cinema Paulista 2007, da Secretaria de Estado da Cultura com patrocínio da SABESP; contemplado pelo Concurso de Apoio a Projetos de Comercialização de Filme de Longa-metragem, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo - Programa de Ação Cultural, 2008.

 

Roteiro e Direção: Ricardo Dias

Direção de Fotografia: Carlos Ebert

Montagem: Marcello Bloisi

Direção Musical: Italo Perón

Produzido por Zita Carvalhosa

Produção: 24 VPS Filmes, SUPERFILMES e RCSD Produções

 

84 min, 35mm, Dolby Digital

Período de produção: de 2002 a 2008

terça-feira, 12 de maio de 2009

Exposição Caminho das Índias - Santana Parque Shopping

 

A ÍNDIA É AQUI!

 

Exposição Caminho das Índias traz cenário, figurinos e objetos da novela para o Santana Parque Shopping

 

Entre os dias 9 e 23 de maio, o Santana Parque Shopping, apresenta a exposição "Caminho das Índias", que traz parte do cenário da novela das 20h, com todos os detalhes da ambientação das lojas de tapetes e tecidos por onde os personagens da trama circulam.

 

Esta é a primeira vez que um shopping paulista recebe um evento desse porte.  Paralelamente à mostra, acontecem apresentações de dança indiana, demonstrações de Yoga, e demais atividades ligadas à cultura do país. "Para nós, é muito gratificante mostrar ao nosso público as curiosidades que estão por trás de uma novela de sucesso, além de trazer um pouco do exótico universo indiano", afirma Malu Spinola, superintendente do Santana Parque Shopping.

 

Durante a visita, o público poderá ver um painel de fotos do acervo do ator Marcio Garcia, feitas durante a viagem à Índia, no início das filmagens, e conferir os figurinos originais da novela, assinados pela figurinista da Rede Globo, Emilia Duncan, com base em viagens de pesquisa. A maioria das roupas foi adquirida em lojas e brechós indianos, assim como acessórios, aviamentos e demais adereços; outras peças foram confeccionadas por costureiros do Projac, com tecidos trazidos pela própria figurinista. Entre os destaques, os ricos trajes usados por Juliana Paes e Rodrigo Lombardi durante a gravação do casamento dos personagens Maya e Raj, além dos figurinos de Opash (Tony Ramos), Indira (Eliane Giardini), Manu (Osmar Prado), Kochi (Nivea Maria), Komal (Ricardo Tozzi), Rani (Brenda Hadad), Surya (Cléo Pires) e Durga (Paula Pereira).

 

PROGRAMAÇÃO GRATUITA

 

Dança Indiana

Demonstração de danças clássicas tradicionais, que têm como características o olhar marcante e os movimentos das mãos. Serão apresentadas também danças modernas, como as danças de Bollywood e a Bhangra, dança folclórica do norte da Índia, considerada o hip hop indiano, e ensino de movimentos básicos. 

Datas e horários: 09 (Sábado), 10 (domingo), 16 (sábado), 17 (domingo) e 23 (sábado) de maio, às 17h30 e no dia 21 de maio (quinta-feira), às 19h.

 

Tatuagens de Henna

Presente na cultura indiana, a henna é feita da mistura de folhas secas e moídas da planta, com óleo de eucalipto e sumo de limão. As tatuagens são usadas em celebrações religiosas – como casamentos e batizados- como parte de um ritual de beleza, considerado um poderoso elemento de sedução entre os indianos. É uma tradição ligada ao intuito de trazer boas energias, saúde e riqueza,

Datas e horários: Segundas-feiras (11 e 12) e terças-feiras (18 e 19), das 17h às 19h.

 

Demonstração de movimentos do Hatha Yoga

A Hatha Yoga, conhecida mundialmente por suas práticas simples, confortáveis e fáceis, proporciona o equilíbrio emocional, nervoso, psicológico e imunológico dos praticantes.

Datas e horários: 13 (Quarta), 14 (Quinta) e 20 (Quarta),  às 19h.

 

SERVIÇO: Exposição Caminho das Índias no Santana Parque Shopping

ENDEREÇO: Rua Conselheiro Moreira de Barros, 2.780 – Santana

PERÍODO: de 9 a 23 de maio de 2009

LOCAL: Praça de Eventos – 1º piso

TELEFONE: (11) 2238-3002

SITE: www.santanaparqueshopping.com.br