segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Inscrições para mestrado e doutorado em Linguística na UFSCar vão até 27 de agosto





Para 2018, são 33 vagas de mestrado e 20 para o doutorado

O Programa de Pós-Graduação em Linguística (PPGL) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) está com inscrições abertas até 27 de agosto no processo de seleção de estudantes para os cursos de mestrado e doutorado com ingresso em 2018. Durante o processo seletivo, a prova escrita está prevista para acontecer no dia 2 de outubro, o exame de proficiência em Língua Estrangeira (ou comprovação de proficiência) no dia 3 de outubro e a arguição do projeto de pesquisa, para quem for aprovado nas primeiras etapas, entre os dias 18 e 20 de outubro. Todas as informações devem ser conferidas nos editais disponíveis no site do Programa, em www.ppgl.ufscar.br.
O PPGL, criado em 2004, tem área de concentração em Estudos Linguísticos, com três linhas de pesquisa, apresentadas no site do Programa: Descrição, análise e processamento automático de Línguas Naturais; Ensino e Aprendizagem de Línguas; e Linguagem e Discurso. No site, também há o histórico e os objetivos do Programa, seus docentes, grupos de pesquisa e laboratórios, dissertações e teses já defendidas, entre outras informações.
Nesse processo seletivo, estão sendo oferecidas 33 vagas para o mestrado e 20 para o doutorado. Mais informações estão em www.ppgl.ufscar.br.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Pós-graduação em Psicologia da UFSCar recebe inscrições até 14 de setembro

 

Programa tem área de concentração em Comportamento e Cognição

 

O Programa de Pós-Graduação em Psicologia (PPGPsi) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) publicou os editais dos processos seletivos para ingresso em seus cursos de mestrado e doutorado em 2018. As inscrições estão sendo realizadas até 14 de setembro e, para ambos os níveis, o processo seletivo é composto por três etapas, todas eliminatórias: provas de Língua Inglesa e de Língua Portuguesa; avaliação do projeto de pesquisa; e defesa oral do projeto de pesquisa. As informações completas devem ser conferidas no site do PPGPsi, em www.ppgpsi.ufscar.br.
O Programa, criado em 2008, tem área de concentração em Comportamento e Cognição, que representa a tradição de pesquisa desenvolvida por seus docentes, voltada para a produção de conhecimento sobre processos comportamentais básicos (entre eles processos cognitivos e sociais), o desenvolvimento de tecnologia de análise e avaliação desses processos e, também, para a aplicação de conhecimento à solução de problemas sociais. Sustentada pelos referenciais da Análise do Comportamento e da Ciência Cognitiva, a pesquisa nessa área emprega preferencialmente o método experimental e métodos descritivo-quantitativos, com ênfase na observação direta do comportamento em situações naturais e controladas.
São três as linhas de pesquisa desenvolvidas no PPGPsi: Análise Comportamental da Cognição; Processos Cognitivos e Sociais; e Neurociência Comportamental e Cognitiva. No site do Programa (www.ppgpsi.ufscar.br), além das informações sobre o processo seletivo, é possível encontrar o histórico do PPGPsi, dados sobre seus docentes, a infraestrutura e recursos disponíveis, a produção científica e os laboratórios existentes.

 

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Seminário no Museu do Amanhã discute os caminhos da inovação no Brasil




Evento reunirá inventores brasileiros em cartaz em exposição temporária na próxima quarta-feira (16)

Rio de Janeiro, 14 agosto de 2017 – O Museu do Amanhã, em parceria com a Finep, realiza na próxima quarta-feira (16/8), às 9h30, o Seminário Inovanças – A inovação feita no Brasil, um desdobramento da Exposição Inovanças – Criações à Brasileira, inaugurada em abril, e que já recebeu mais de 120 mil visitantes. A necessidade de errar, de valorizar a tecnologia social e de saber como os brasileiros têm inovado no país serão os temas que nortearão a discussão. O evento, gratuito, será realizado no Auditório do Museu do Amanhã. As inscrições podem ser feitas no site.

Para falar sobre novas maneiras de criar e de reinventar, o seminário reunirá alguns dos brasileiros inventores apresentados na Exposição Inovanças, como Joana D’arc Félix, PhD em Harvard que superou a fome e o preconceito e, atualmente, soma 56 prêmios em sua carreira. Joana desenvolveu uma pele artificial a partir da epiderme de porco que pode ajudar na recuperação de queimaduras em humanos. Além dela, o jovem Ronaldo Tenório criou o aplicativo Hand Talk, software apoiado pela Finep que traduz o português oral e escrito para LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) de modo on-line – vencedor do prêmio da ONU como o melhor aplicativo social do mundo.

Marcos Cintra, presidente da Finep; Roberto Lerusalimschy, desenvolvedor da Linguagem de Programação Lua; Dávila Souza Corrêa, representante do Instituto Mamirauá; Regina Tchelly, criadora do projeto Favela Orgânica; Wang Shu Chen, diretora da empresa Adespec e criadora da supercola sem solventes, também compõem o grupo de palestrantes de Inovanças – A inovação feita no Brasil.

Todos esses personagens centrarão forças para ajudar o público a conhecer o atual status da inovação do Brasil e a debater sobre como a sociedade não tolera o erro, visto como sinônimo de fracasso – mas necessário como tentativa rumo ao acerto. Além disso, os participantes terão a oportunidade de entender as tecnologias sociais que são vetores para o desenvolvimento do país – tradução da habilidade humana de moldar a realidade ao redor – e poderão ouvir de inventores brasileiros quem inventa os benefícios e dificuldades de se criar algo por aqui.

“Há um consenso sobre o papel da inovação para o desenvolvimento econômico ao redor do mundo: trata-se do elemento-chave para o crescimento econômico sustentado e o bem-estar social. A inovação deve ser tratada como um bem público”, destaca Marcos Cintra, presidente da Finep.

“O evento será uma oportunidade de debater o atual status da inovação no Brasil, discutindo o ponto em que estamos, para onde vamos e como queremos ir”, finaliza Leonardo Menezes, gerente de Conteúdo e do Observatório do Museu do Amanhã.

Confira a programação completa no site

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Instituto Brincante, Universidade de Princeton e UFRJ realizam jornada sobre as manifestações populares brasileiras

Fazer Pensar Brasil reúne pesquisadores das três instituições. Evento
está marcado para 25/08.





Estudiosos de diferentes partes do Brasil se reúnem no dia 25 de agosto
no Teatro Brincante para a jornada Fazer Pensar Brasil. Com uma série de
palestras e rodas de conversas, a iniciativa é uma parceria entre o
Instituto Brincante, a Universidade de Princeton e a Universidade
Federal do Rio de Janeiro. A discussão gira em torno das manifestações
chamadas de populares, a partir de experiências e disciplinas diversas.



O tema ganha sentido especial na atualidade e proporciona a amplitude
necessária para o debate. Afinal, os valores, conteúdos e formas do que
se identifica como popular podem ser ressignificados e terem papel e
função social no mundo em que vivemos? Na encruzilhada histórica por que
passamos, trata-se de pensar coletivamente uma questão já velha, mas que
nos pede novas configurações: podemos ser modernos e "populares" ao
mesmo tempo?



A lista de palestrantes inclui Pedro Meira Monteiro, Antonio Nóbrega,
Ricardo Teperman, Paulo Iumatti, Lilia Schwarcz, José Miguel Wisnik,
Heloisa Buarque de Hollanda, Lira Neto, Rosane Almeida, Maurício Hoelz,
Paulo Dias, André Botelho e André Ricardo Heráclio do Rêgo.







SERVIÇO

Pensar Fazer Brasil

25/08 das 9h às 19h

Instituto Brincante

ENTRADA FRANCA

Sujeito à Lotação

Pré-inscrição: http://bit.ly/FazerPensarBrasil

Informações: http://bit.ly/FazerPensarBrasil_Eevento

Organização e Mediação: Antonio Nóbrega (Instituto Brincante), Pedro
Meira Monteiro (Princeton) e André Botelho (UFRJ)

Produção: Silas Redondo

Realização: Instituto Brincante, Princeton University e UFRJ

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Inscrições para o Prêmio Josué de Castro vão até o dia 15

 

 

 


Inscrições para o Prêmio Josué de Castro vão até o dia 15

Estarão abertas até às 17h da próxima terça-feira (15) as inscrições para o Prêmio Josué de Castro, promovido pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento paulista, por meio do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Consea/SP). A iniciativa premiará a formulação de soluções concretas para o combate à fome e a promoção de segurança alimentar e nutricional. Os interessados podem preencher a ficha de inscrição clicando aqui.

Serão premiadas iniciativas em duas categorias: Melhor pesquisa científica e Melhor programa ou projeto de política pública. Podem concorrer universidades e instituições de pesquisa públicas e privadas e órgãos públicos municipais ou estaduais de São Paulo. Os vencedores serão conhecidos no dia 16 de outubro, o Dia Mundial da Alimentação.

Na última edição, foram premiadas ações como a inclusão do Pescado na Alimentação Escolar no Município de Itanhaém, desenvolvida por Rúbia Tomita, e a elaboração do primeiro plano municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) da cidade de São Paulo.

Para José Valverde Machado Filho, secretário-executivo do Consea/SP, o prêmio é uma oportunidade de reconhecer as boas práticas de segurança alimentar em execução no Estado, por iniciativas públicas e privadas. "A busca por uma política de governo que garantirá a Segurança Alimentar e Nutricional da população é um dos principais eixos sobre o qual se estrutura a gestão do secretário Arnaldo Jardim, sob orientação do governador Geraldo Alckmin", enfatizou.

Por Larissa Vidal - Assessoria de Comunicação  -Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo

 

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Inscrições para mestrado e doutorado em Linguística na UFSCar vão até 27 de agosto



Para 2018, são 33 vagas de mestrado e 20 para o doutorado

 

O Programa de Pós-Graduação em Linguística (PPGL) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) está com inscrições abertas até 27 de agosto no processo de seleção de estudantes de mestrado e doutorado para ingresso em 2018. Durante o processo seletivo, a prova escrita está prevista para acontecer no dia 2 de outubro, o exame de proficiência em Língua Estrangeira (ou comprovação de proficiência) no dia 3 de outubro e a arguição do projeto de pesquisa, para quem for aprovado nas primeiras etapas, entre os dias 18 e 20 de outubro. Todas as informações devem ser conferidas nos editais disponíveis no site do Programa, em www.ppgl.ufscar.br.
O PPGL, criado em 2004, tem área de concentração em Estudos Linguísticos, com três linhas de pesquisa, apresentadas no site do Programa: Descrição, análise e processamento automático de Línguas Naturais; Ensino e Aprendizagem de Línguas; e Linguagem e Discurso. No site, também há o histórico e os objetivos do Programa, seus docentes, grupos de pesquisa e laboratórios, dissertações e teses já defendidas, entre outras informações.
Nesse processo seletivo, estão sendo oferecidas 33 vagas para o mestrado e 20 para o doutorado. Mais informações estão no site www.ppgl.ufscar.br.

 

 

 

https://www.amazon.com.br/b/ref=as_li_ss_tl?ie=UTF8&node=17168019011&linkCode=ll2&tag=A19CP32JCSRLOQ&linkId=01fc9732c02565116e2c98be2526c454